Quanto custa desenvolver um projeto de curso EAD?

Certa vez fui entrevistado (achando que entrevistava) um dos diretores do curso SOS computadores enquanto um professor estava presente na sala.  Fiquei meio surpreso quando um deles disse esta frase:

“É preciso pegar o melhor de cada profissional.”

Esta assertiva é contrária a verticalização, ou seja, uma pessoa só fazendo tudo de tudo.

Digo estas coisas porque antes de se criar um ou mais cursos em EAD o interessado nesta empreitada precisa estar atento ao ponto máximo deste negócio: a equipe.

Embora Ensino a Distância, a primeira vista, arremeta para equipamentos muito antes de professores, entendemos que é o homem que opera a máquina e não o contrário.

Encontrar quem te oriente é mais importante que se munir de parafernália tecnológica que não vai saber usar.  No entanto, antes mesmo de procurar este alguém, precisa saber o que é EAD.

EAD é a modalidade de Ensino a Distância cheia de ramificações, tais como síncrono e assíncrono.  O modelo assíncrono é o menos custoso, pois professor e aluno não estão compartilhando o sistema ao mesmo tempo.  O modelo síncrono é perfilado por apresentações ao vivo, chats e videoconferências.  O mercado costuma usar um modelo híbrido.

Escolhido o modelo de negócio, é importante descobrir que segmento escolher.  Mercados como o de concurso público são um místico de selva inóspita e desafio gostoso de vencer; Preparatórios para Petrobras são uma onda do momento; Pós Graduação, infelizmente, tenho motivos para ter reservas.

Analisado o mercado e a concorrência é chegada a hora de pesquisar sistemas de ensino a distância/consultores/coordenadores/tutores. EAD é terra para ser explorada com guias. Complicado entrar em uma selva sem um caçador experiente: vai virar janta.

Equipamentos costumam ser um investimento único, mas custos com armazenagem e desenvolvimento são parte essencial de sua despesa fixa.

Pense que EAD é um investimento que precisa de prazo para dar retorno, embora poucos digam isso. Procure se informar sobre medidas para aferir a popularidade de seu negócio, não apenas retorno financeiro. Olhos abertos: EAD não é mais terra de aventureiros.

Que rei vai a guerra sem saber quanto custa os anos de combate?

Related Posts

0 comments

Leave your reply

*" value="" aria-required='true' />
*" value="" aria-required='true' />